Família e escola como molas propulsoras da corrupção

Nem escola e nem a família ensinam ensinam o que seria “sonhar”. A família porque presenteia o príncipe ou a princesa com um iPhone de R$ 8 mil todos os anos e raramente ou nunca com livros (bons) ; a escola, porque dá mole ! Não ensina gestão de tempo e afins e se vê cada dia “comprada” pela família. Formam-se corruptos porque a escola das últimas décadas foi corrompida pelo preceito de que o está inserida num sistema hierárquico no qual a entidade família está acima. Ledo engano! Cidadania global é fruto de família e escola caminhando lado a lado. A origem da corrupção está nos gestos medíocres de cada pai e cada mãe que não ensinam sobre a retidão de cada pequeno gesto cotidiano como estar ao volante adequadamente, estacionar em locais apropriados e etc e também da escola que se corrompe quase que obrigatoriamente: no âmbito privado, porque o capital está em jogo e a relação educacional é mais compreendida como uma relação comum de mercado. No âmbito público, porque os corruptos já formados (governo e parceiros) o conduzem com a maior incompetência já vista na humanidade e, assim, culminam com o estabelecimento de um sistema de ensino arcaico e de mão de obra às vezes incompetente e em muitas das vezes estagnada e sem projeto de futuro para a carreira.

Resultado: cidadãos natimortos, que não sonham e que muito menos realizam! Que acham que vivem mas que morrem vagarosamente! Que desrespeitam sem saber e que quando são estimulados ao voo, nem percebem.

FGE

#newfge #fge #pensamentododia #pnl #entrepreneur #entrepreneurship #empreendedorismo

www.fgescaleira.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *